Estamos em manutenção
Conclusão: 20 de Junho

Prefeitura busca melhorar serviço de táxis para sociedade

“Qualificar cada vez mais os nossos táxis, pois queremos prestar um serviço melhor para sociedade, já que Paragominas é vista pelo Estado do Pará como modelo, e nós também queremos ser modelo de serviço”, diz o taxista Arquisil Medeiros, sobre os primeiros passos dados entre a Coopertáxi e Sindicato dos Taxistas, em reunião que aconteceu nesta quinta-feira, 2, junto com a Prefeitura de Paragominas e Demutran.

Vários episódios negativos envolvendo a categoria, como assaltos, acidentes e outras adversidades, foram motivos para o pedido de reunião com a Prefeitura. Eles pedem, entre outras coisas, a cessão de espaço para estacionar em grandes eventos e no entorno da Arena Verde, pontos fixos para taxistas em locais estratégicos da cidade e, principalmente, normas de conduta para os profissionais.

Existem hoje 118 concessões para taxistas em Paragominas, de acordo com a vice-prefeita Mozimeire Costa. Ainda de acordo com ela, estas reuniões irão acontecer com mais frequência durante o ano, pois viabiliza critérios para fortalecer a tranquilidade do profissional, tanto na condução como no atendimento à sociedade. “É bandeira do prefeito Paulo Tocantins alavancar a mobilidade urbana. Um projeto está tramitando no Ministério das Cidades, em Brasília. A ideia é construir junto com a sociedade, taxistas, linhas urbanas de ônibus e vans, um direcionamento ideal para que Paragominas se torne também, modelo na mobilidade urbana”, explica a Vice-Prefeita.

A prefeitura de Paragominas, em convênio com o Detran/Pa, irá incluir e uniformizar todos os pontos de táxis da cidade com sinalização horizontal e vertical. Também está em pauta melhorar a lei dos taxistas no município, que não tem em sua regulamentação, especificações que normatize todas as situações vivenciadas pela categoria, que hoje só prevê a obrigatoriedade de cor do veículo, deixando de se prever exigências de comportamento e conduta para os condutores e permissionários, por exemplo. "Firmamos o compromisso de estabelecer cursos específicos de atualização em legislação de trânsito e suas derivações durante todo o ano para toda a categoria. Avaliaremos os problemas e juntos construiremos soluções para todos, através de um debate democrático em outros eventos que a prefeitura vai promover”, finaliza Natanael Costa, coordenador Municipal de Trânsito – Demutran.