Prefeitura, por meio da Semec, disponibiliza merenda escolar diferenciada para alunos com restrições alimentares 

A Prefeitura de Paragominas, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semec), através do Departamento de Alimentação Escolar, vem sempre desenvolvendo mecanismos para levar até o prato de nossas crianças uma merenda escolar saudável e fortalecedora. Contudo, existem alguns casos, onde os estudantes possuem restrições alimentares, dificultando o momento do lanche.
Pensando em ajudar crianças nesta situação, e seguir o planejamento alimentar necessário previsto em laudo médico, a coordenadora Galbani Cardoso, bem como suas nutricionistas, Vivian Vilhena, Maria do Socorro Gonçalves, e Marisa Araújo, fazem um acompanhamento específico com o estudante que precisa desse auxílio, promovendo uma reunião de anamnese alimentar juntamente com os responsáveis e a diretora da escola, para avaliar as condições da merenda que deve ser servida.
“Nossas servidoras se reúnem para entender o que o aluno pode ou não comer, e assim montam um cardápio próximo ao que é servido no lanche do dia de cada escola, dentro das restrições previstas na apresentação do laudo médico. É um direito de todo o cidadão e nosso dever, quanto gestão, promover isso aos nossos alunos”, disse o Prefeito Paulo Tocantins. 
Uma preocupação de toda a equipe que prepara essa merenda escolar diferenciada, é fazer com que ela seja semelhante a que é servida no dia a dia, para que assim o aluno não se sinta excluído e também consiga se integrar com os demais estudantes, sem qualquer distinção. 
Todas as escolas municipais têm acesso a esse tipo de cardápio diferenciado, e não importa a faixa etária, basta que os responsáveis do aluno apresentem laudo médico na direção da escola, que a partir daí todo o planejamento é traçado para atender a necessidade de cada aluno. 
“Esse é mais um salto que Paragominas dá na frente de outros municípios, onde nós temos a preocupação de levar não só alimentos saudáveis aos nossos alunos mas também incluir todos, até aqueles que possuem alguma restrição na alimentação”, finalizou o Prefeito.