Prefeitura entre medalha de honra ao mérito e premia vencedores do 14° Concurso de Fotografia Artística 

No sábado (19), o Teatro Reinaldo Castanheira sediou um dos eventos mais importantes da programação do aniversário de 54 anos de Paragominas. Na ocasião, aconteceram dois momentos especiais: a entrega da medalha de honra Célio Miranda e a premiação do 14° Concurso de Fotografia Artística.
Os homenageados da noite receberam a medalha simbolizando os bons serviços prestados ao município, e sua contribuição para o desenvolvimento de Paragominas ao longo dos anos. Entre os cidadãos que receberam o mérito estavam: O ex-secretário Adnan Demachki, o médico Dr. Arthur Lobo, e o Instituto Federal do Pará (IFPA), polo Paragominas. 
“Esse foi um momento de registrar o nosso mais sincero obrigada à todos que receberam essa medalha, simbolizando a nossa gratidão por tanto feito pelo nosso município. É uma forma simbólica que encontramos de homenagear estes cidadãos que contribuíram e contribuem para o crescimento da nossa cidade”, disse o Prefeito Paulo Tocantins. 
Além da entrega da honra ao mérito, os presentes puderam conferir os vencedores da 14° edição do concurso de fotografia artística, sendo já tradicional em nossa cidade. Este ano os fotógrafos, amadores e profissionais, fizeram fotos baseados no tema “Um Olhar Sobre Paragominas”, o que rendeu registros belíssimos. 
“Já é o segundo ano que participo do concurso, desta vez levei o primeiro lugar. É muito bacana poder mostrar mais de Paragominas, em diversos ângulos e formas”, falou o vencedor do primeiro lugar na categoria amador, Diogo Costa. 
Confira abaixo os premiados: 
Categoria Profissional: 
1° lugar: Camila Mendonça Gonçalves – Título: “Paragominas cultivando com amor e respeito a diversidade”
2° lugar: Alberto de Sousa Pereira Júnior – Título: “Nesta terra construímos nosso lar”
3° lugar: Izailton Barbosa Lima – Título: “Em Paragominas, o nosso ouro é verde”
Categoria Amador: 
1° lugar: Diogo da Costa Pereira – Título: “A religião é um conflito entre nossos reflexos”
2° lugar: Eduardo do Nascimento – Título: “O sol em sua morada reluzente”
3° lugar: Marcos Gabriel Nascimento Lopes – Título: “Contemplar o Paraíso”