Contribua com o Projeto Juquinha através da sua conta de água

Qual pai e mãe não gostaria de formar seus filhos cidadãos éticos e prepará-los para viver em sociedade? Pensando nisso que a Associação José Pereira de Farias - Projeto Juquinha - se propôs a atender crianças e adolescentes portadores de necessidades especiais desde o ano de 2003. As turmas de alunos e alunas especiais recebem atendimento de assistente social, psicóloga, psicopedagoga, neurofisiatra e fonoaudióloga. A maioria das crianças vem de famílias carentes e muitas das vezes desestruturadas por razões econômicas, sociais e culturais. 

Um termo de cooperação foi assinado ontem (22) entre a Prefeitura de Paragominas, através da Agência de Saneamento de Paragominas (Sanepar), e a Associação José Pereira de Farias - Projeto Juquinha, onde os mais de 27 mil usuários da Sanepar poderão contribuir financeiramente para o funcionamento e manutenção do Projeto Juquinha. 

O convênio firmado possibilita contribuições espontâneas acrescentadas nas faturas dos consumidores mediante autorização, para custeio das despesas com atendimento sócio educacional às crianças e jovens com deficiência no Projeto Juquinha. 

A solenidade contou com a presença de usuários dos serviços acompanhados por seus pais e responsáveis, o Prefeito Paulo Tocantins, a Presidente da Câmara – Denise Gabriel, o Presidente do Projeto Juquinha – Milton Pinheiro e o Superintendente da Sanepar – Herenildo Maciel. 

Como funciona a campanha? 

Para participar da campanha o contribuinte, que leva o nome na conta de água, caso se interesse em ajudar a instituição, assinará um contrato com a própria Sanepar, que repassará a verba integralmente ao Projeto Juquinha. 

O valor a ser doado será escolhido pelo próprio contribuinte, partindo de R$ 5,00 ao mês. Este valor foi definido pela instituição, no entanto, os contribuintes podem alterar esse valor para quantias maiores. O tempo em que a pessoa permanecerá participando também será uma escolha particular. 

“Hoje a Sanepar cumpre o papel de abastecer a cidade com água tratada, serviços de coleta e tratamento de esgoto, além da difusão de técnicas de educação e conscientização ambiental. Mas estamos indo além, pensando no social apoiando e investindo em projetos como este.” Explica Herenildo Maciel, Superintendente Geral da Sanepar. 

Uma equipe também foi treinada e os voluntários estarão passando em várias casas residenciais para fazer a abordagem dos contribuintes com o termo de autorização para que a partir da próxima conta de água o valor da contribuição para o Projeto Juquinha já esteja incluso na fatura.